REvir

“A beleza dos corpos, sejam eles de atletas, musas, guerreiros ou anjos, sempre é uma recorrência na história da arte. A beleza de Afrodite, os mais celebrados modelos de beleza masculina no mundo grego: o Doriforo (lanceiro) do escultor Policleto e o Discóbolo (arremessador de discos) de Miron; a imponência e perfeição de formas de David, do soberbo Michelangelo, assim como a dor da Pietá – estas no universo italiano, nos deleitam os olhos e nos alimentam a alma”

​- Mário Edson

Mostrar Mais